Duplicação da BR-116 entre Guaíba e Pelotas deve ter mais 22 quilômetros entregues.

GERAL

No mês de fevereiro, aguardada com ansiedade pelos usuários da BR-116, a conclusão da duplicação da rodovia, tem diversos atrasos mesmo com o anúncio de novos repasses durante 2019. Segundo o Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit), ainda não foi definida uma data para a inauguração. "As equipes estão trabalhando para que sejam liberados pelo menos mais 22 quilômetros da duplicação. Contudo, a liberação acontecerá de acordo com a disponibilidade orçamentária e conforme o ritmo de trabalho de cada segmento", informa a autarquia por meio de nota. Dos 22 quilômetros, nove estão no lote 6, entre Cristal e São Lourenço do Sul; cinco no lote 7, em São Lourenço do Sul; e mais oito quilômetros no lote 8, em Turuçu. 

Compartilhe